A Amazon revelou que abriu um processo onde mais de 1000 pessoas estão sendo acusadas de escrever análises falsas para favorecer certos produtos em troca de dinheiro.

Em Abril, a loja já havia apontado vários sites que vendiam análises falsas, e agora o alvo são pessoas que oferecem o mesmo serviço no site Fiverr. O site inclusive está colaborando com a loja para detectar as pessoas responsáveis por tais análises, que recorreram a vários métodos para esconder seu IP.

"Embora seja um pequeno número, estas análises podem prejudicar a confiança dos consumidores e a maioria dos vendedores na Amazon, o que por sua vez, mancha a nossa marca." diz a Amazon no processo.

No total, são 1114 pessoas envolvidas. De acordo com a Amazon, as análises falsas eram compradas por cerca de US$5 dólares. Na investigação da loja, eles também compraram várias análises para estudar o método.

Como a  Amazon vende todo o tipo de produtos, incluindo jogos, consoles e outros acessórios, é bom ver que eles então engajados em combater as análises falsas para que o consumidor não seja enganado.

Facebook
1
Google
 
Top