Super Mario Maker une uma série de elementos da história dos jogos do Mario. Entre eles, temos o fiel companheiro do nosso bigodudo, o Yoshi. Embora o personagem seja muito querido pelos fãs e já tenha ganhado até seus próprios jogos, ele quase ficou de fora de Super Mario Maker.

Takashi Tezuka e Yosuke Oshino, o produtor e o diretor do game, respectivamente, falaram em uma entrevista recente que a adição do Yoshi causou uma grande controvésia na equipe de desenvolvimento de Super Mario Maker. Tezuka disse que foi inflexível para garantir que o personagem aparecesse no jogo, mas a equipe teve que pensar em como ele se comportaria em determinadas situações, por exemplo, como seria sua resposta aos Boos e o que ele poderia comer ou não.

Oshino: Nós decidimos colocar elementos como Raccoon Mario, Caped Mario e Propeller Mario durante as fases iniciais de desenvolvimento. Mas o Yoshi causou muita controvérsia...
Tezuka: Eu estava bem firme em minha solicitações pelo o Yoshi. Haviam motivos para isso, como eu ser o responsável por Yoshi's Woolly World, querer usar o amiibo do Yoshi, ver algum tipo de colaboração com o personagem e também por ele estar fazendo 25 anos.
Oshino: Mas a adição do Yoshi foi complicada, por isso nós discutimos o que deveríamos fazer. Em Super Mario World, você não pode entrar em uma Ghost House com o Yoshi, por exemplo. Como em Super Mario Maker você pode fazer as coisas como quiser, houveram várias ocasões em que eramos obrigados a pensar se deveriamos usar cousas que não poderiam ser feitas no jogo original, como Yoshi responderia a um Boo e o que ele pode comer ou não.

No final das contas, Yoshi acabou sendo adicionado ao jogo e essa realmente foi uma boa decisão dos desenvolvedores.

E você, costuma usar o personagem na hora de construir seus níveis em Super Mario Maker? Comente.

Fonte
Facebook
0
Google
 
Top