Palmer Lucky, o homem por trás do Oculus Rift, um dos ícones quando se fala em Realidade Virtual nos últimos tempos, participou recentemente do Reddit Ask Me Anything, onde foi perguntado sobre o que pensa a respeito do Virtual Boy.

Para Lucky, o Virtual Boy prejudicou a indústria da Realidade Virtual.

Ele não foi exatamente um dispositivo VR. Ele não possuiu movimentação, tem baixo campo de visão, e sua exibição em 3D é monocromática. É uma verdadeira vergonha, também, porque a associação do Virtual Boy com Realidade Virtual prejudicou a indústria a longo prazo.

Para quem não sabe, o Virtual Boy foi um dispositivo de Realidade Virtual lançado pela Nintendo em 1995, e ficou conhecido como um dos maiores fracassos da empresa. Ele foi pouco aceito na época por tentar fazer uma revolução no mercado em um momento errado, além de causar enxaquecas fortíssimas em quem usava o aparelho.

Fonte
Facebook
0
Google
 
Top