De acordo com matéria publicada pela DigiTimes, a Nintendo teria supostamente adiado a produção em massa do NX, afim de levar em consideração as funções de Realidade Virtual.

A Big N estaria de olho no crescente interesse do público pela tecnologia de Realidade virtual, e com as concorrentes investindo pesado neste tipo de recurso, a empresa teria optado por trabalhar em maneiras de aperfeiçoar a experiência de jogo do NX, com intuito incorporar estas tecnologias ao console.

Fontes próximas à cadeia de produção afirmaram para DigiTimes que o console combina a funcionalidades de jogos domésticos e portáteis, o que vai de encontro com rumores vinculados recentemente. Semelhante ao Wii U, o Nintendo NX contará uma tela em seu controle, estima-se que essa tela tenha o tamanho entre 12cm e 17,5cm. O NX também é capaz de se conectar a uma TV e operar como um console tradicional de mesa.

As fontes afirmaram ainda, que a cadeia de abastecimento teria recebido o pedido da Nintendo para começar a desenvolver um molde do NX no meio do ano passado, o console entraria em produção em massa por volta do meio deste ano. No entanto, a informação agora é que a produção em massa não começará até 2017.

Por fim, o relatório indica que o volume de encomendas da Nintendo foi reduzido. O plano inicial era de 20 milhões de unidades no primeiro ano, porém a Big N estaria preocupada com o "encolhimento" do mercado e optou por reduzir a oferta do console para 10 milhões de unidades.

Os componentes do Nintendo NX serão montados pela Foxconn Electronics, que se recusou a comentar sobre o assunto. Como sempre, recomendamos cautela pois, se tratam de rumores sem confirmação oficial das partes envolvidas.

Facebook
0
Google
 
Top