The Legend of Zelda: Breath of the Wild ainda nem foi lançado, e Eiji Aonuma já tem algumas ideias para o futuro da série após o lançamento do game em 2017.

“Eu gostaria de pegar o que aprendi com Breath of the Wild e fundir esse aprendizado em um Zelda multiplayer", disse Aonuma em entrevista ao IGN.

"Por exemplo, Tri Force Heroes, que teve um formato semelhante a Four Swords, incluía um aspecto multijogador," acrescentou, "Esta é, definitivamente, uma possibilidade, e vamos continuar a experimentar com a franquia Zelda".

Aonuma assinalou que a série passou por várias mudanças e embora Breath of the Wild também seja de certa forma um jogo experimental, o produtor garantiu que este jogo permanecerá focado no single-player.

Facebook
1
Google
 
Top