Pokémon Go finalmente estreou no continente asiático nesta quinta-feira (22) ao ser lançado oficialmente no Japão. Temendo por acidentes que possam ocorrer ocasionado pela grande excitação da liberação do aplicativo no país, o governo japonês lançou uma campanha para uso seguro do game.

Em outros países, houve casos de jogadores lesionados. "Vendo o que tem acontecido no exterior, as pessoas precisam usar seu smartphone de maneira segura", afirmou o ministro porta-voz do Executivo japonês, Yoshihide Suga, em entrevista coletiva.

Suga explicou também que distribuiu panfletos aconselhando que os jogadores de "Pokémon Go" não joguem enquanto estiverem caminhando, especialmente nas plataformas das estações de trem, ou andando de bicicleta (no Japão são cada vez mais frequentes os acidentes que envolvem ciclistas que utilizam o celular).

Ele também pediu para que os jogadores, na busca por Pokémon, não entrem em instalações de acesso restringido. Não é o primeiro país a lançar uma campanha oficial para conscientizar jogadores dos riscos do game. A polícia da Espanha divulgou um guia de segurança na segunda-feira (18).

No Japão há uma preocupação enorme pelas crianças que por ventura vão se juntar ao game, o Youtuber Velberan, que é residente no Japão, postou um vídeo em seu canal "Japão por outros Olhos" retratando esta preocupação dos japoneses. O Youtuber mostrou trechos de um programa na TV japonesa alertando para os possíveis riscos ao jogar o aplicativo. Confira abaixo:



Em diversos países foram registrados acidentes de trânsito motivados por pessoas que jogavam o "Pokémon Go" enquanto dirigiam. Nos Estados Unidos, ocorreram, pelo menos, dois incidentes graves.

Na Califórnia, dois homens tiveram que ser resgatados após caírem de um barranco. Em Ohio, três adolescentes entraram em uma usina nuclear procurando por monstrinhos.

Facebook
1
Google
 
Top