Splatoon 2 foi anunciado em janeiro desse ano juntamente com aquele direct especial no qual nosso querido Nintendo Switch nos foi apresentado, desde então muitas pessoas se sentiram entusiasmadas com o jogo enquanto outras ficaram com o pé atrás pensando que seria apenas mais do mesmo, mas afinal de contas Splatoon 2 realmente inova ou é penas uma repaginada de seu antecessor para o Switch?

O Jogo


Are you a kid or a squid?
Splatoon 2 se trata de um jogo de tiro em terceira pessoa no qual os jogadores usam armas de tinta e controlam personagens que conseguem se transformar em lulas para se movimentarem com uma maior mobilidade pelo cenário tentando pintar a maior parte do lugar com a sua cor, se pararmos pra pensar é uma coisa bem estranha né?(Quando tento explicar o jogo para amigos sonystas parece que fica ainda mais estranho), pois bem, apesar de ter uma premissa bem esquisita, Splatoon 2 consegue ser um jogo bem divertido, boa parte disso se deve ao fato de seu antecessor que foi considerado como um dos melhores games do Wii U.

Pearl e Marina as novas VJs do jogo!
Apesar de seu foco ser praticamente voltado para as partidas online, Splatoon 2 também possui um modo história que se passa 2 anos após o Splatoon 1, essa nova história possui um roteiro bastante interessante, após o último splatfest do game anterior, Marie saiu vitoriosa sobre sua irmã Callie, para quem não sabe ou está chegando no game agora, Marie e Callie eram a dupla de Squidsisters que apresentavam todos os eventos do jogo 1, posto que agora está sendo ocupado pela dupla Pearl e Marina no jogo 2, após a derrota de Callie a dupla de irmãs decidiu se dedicar mais as suas carreiras solo, no entanto parece que Callie desapareceu  juntamente com o Great Zapfish ( responsável por gerar energia para a cidade) causando uma grande preocupação em Marie que suspeita que os Octarians ( vilões do jogo anterior) estão envolvidos no sumiço dos dois, agora cabe ao jogador(a) sob o codinome de agente 4 ajudar Marie a desvendar esse mistério.

O novo modo história possui uma estrutura bem parecida com a do jogo anterior, com fases localizadas no Octo Canyon, os estágios possuem um level design bastante criativo e oferecem um bom desafio aos jogadores, sem contar que agora é possível utilizarmoos mais armas diferentes nesse modo, o que deixa o jogo ainda mais dinâmico, o game possui também um bom número de fases, em cada estágio é possível se encontrar páginas de um livro que servem para ir completando um diário no qual temos acesso a detalhes da história do jogo e algumas artes, também é possível encontrarmos  tickets que servem para utilizarmos no trailer na praça de inkopolis para melhorarmos o ganho de dinheiro ou experiência nas partidas online. As batalhas contra os chefes estão ótimas e requerem uma boa agilidade por parte do jogador para que eles possam superá-los, no final o modo história acaba servindo como um grande tutorial para que possamos treinar e encarar o verdadeiro desafio que é o modo online.

O modo história também está cheio de ação!

Modo online 


O modo online de Splatoon 2 com toda certeza é o grande foco do jogo, para tal existem algumas lojas em Inkopolis que vendem roupas e armas para melhorarem nosso desempenho, apesar de banal montar um bom look pode resultar em uma combinação de habilidades que com toda certeza farão diferença nas partidas online, isso porque cada peça de roupa trás atributos diferentes que agregam habilidades ao seu personagem, logo as principais lojas do jogo se encontram a esquerda do ponto de partida onde o jogador(a) terá acesso a loja de sapatos, chapéus, e armas.

Qual brusinha eu compro?

O modo online está repleto de modalidades diferentes tais como:

Turf War: O principal e mais conhecido modo do jogo, suas regras são bem simples, pintar a maior parte do cenário com a cor correspondente ao seu time até o fim da contagem de tempo, os times são formados de 4 jogadores que se enfrentam fazendo uso de diferentes armas disponíveis, infelizmente alguns jogadores ficam mais focados em splatar (matar) seus oponentes esquecendo de pintar o chão...

Os goog guys levaram a melhor nessa.

Tower Control: Um modo de jogo bastante interessante que consiste guiar uma torre até o campo inimigo, geralmente a torre está localizada no centro das arenas e quando um membro do time sobe nela a torre começa a se movimentar até chegar à base inimiga, se durante o processo o time adversário tomar o controle da torre ela começará a fazer um caminho contrário indo para a sua base, vence o time que conseguir guiar a torre até a base inimiga (dica: snipers são excelentes nesse modo de jogo).

Tower Control é um modo bem desafiador!

Rainmaker: Nesse modo uma arma diferente geralmente fica localizada no meio da arena, o membro do time que conseguir alcança-la primeiro deverá coloca-la até uma base inimiga, com o rainmaker em posse o usuário é capaz de disparar uma forte rajada de tinta nos oponentes mas fica incapacitado de realizar o super jump, caso splatado o rainmaker cairá no chão até que outro jogador o pegue.

Testemunhem o poder do Rainmaker!

Splat Zones: Objetivo dessa modalidade é dominar uma área demarcada no mapa com a cor do seu time por um determinado período de tempo, se o time perder o controle da zona, sua contagem é interrompida e passa a favorecer o time adversário.

Armas que disparam tinta mais rápido são ótimas nesse modo!

Splatfest:  Os Splatfest são eventos especiais que acontecem dentro jogo, geralmente é um evento por mês e ocorrem sempre da meia noite de sábado até a meia noite de domingo, durante o evento os jogadores terão de escolher entre dois times que trazem uma abordagem de temas opostos entre si como por exemplo: bolo vs sorvete ( esse foi o primeiro splatfest disponível no segundo testfire do jogo em julho) katchup vs maionese, poder de voar vs poder de ficar invisível ( aguardo ansiosamente o tema bolacha vs biscoito :3 ). O evento causa algumas mudanças no jogo, à decoração muda e passa a ser ambientada a noite, Pearl e Marina fazem apresentações ao vivo sobre um grande palco que é colocado na praça de Inkopolis, os inklings recebem camisas festivas dos seus respectivos times (que não podem ser trocadas até o evento acabar) e o único modo de jogo que fica disponível é o Turf War. Uma das maiores novidades dos Splatfests de Splatoon 2 é a Shift Station, uma arena comemorativa que se apresentará com um layout diferente a cada festival.

Uma das formas da Shift Station!

Não subestime os Salmonídeos!
Salmon Run: Esse modo de jogo é uma das grandes novidades de Splatoon 2, aqui temos de deixar a rivalidade de lado e trabalharmos em equipe para sobrevivermos as hordas de salmonídeos que irão nos atacar, esses inimigos são peixes que saem de dentro do mar e nosso objetivo é derrotá-los e coletarmos os ovos dourados que estão em posse deles e coloca-los em uma coletora, existem alguns Bosses nesse modo e cada um requer uma maneira diferente para ser derrotado (não vou dizer pra não dar spoilers), se algum Salmonídeo te splatar você ficará dentro de uma bóia salva vidas com a mobilidade reduzida mas poderá ser salvo por algum aliado caso ele te toque com a tinta dele, existem duas maneiras de perder nesse modo, sendo a primeira não conseguindo cumprir a cota de coleta dos ovos dourados dentro do tempo estipulado, e a segunda se todos do time forem derrotados pelos inimigos. As partidas são divididas em 3 hordas, as vezes acontecem umas coisas estranhas na horda e vem um inimigo incomum, enfim algumas surpresas esperam por você nesse modo.

Durante as partidas terão sempre 4 armas diferentes a disposição dos jogadores, essas armas são aleatórias a cada partida, e a cada horda nós revezamos as armas com nossos colegas de trabalho,  e por falar em colegas de trabalho, geralmente são recrutados 4 inklings por vez (localmente ou online), no entanto se a contagem do tempo de recrutamento acabar mesmo se não houverem 4 jogadores a disposição, ainda assim vocês serão transportados para o campo de batalha (teve uma partida que foi apenas eu com outro jogador e nós dois conseguimos sobreviver as hordas bravamente). Atualmente existem dois campos disponíveis para esse modo, mas somente temos acesso a um campo por vez e isso quando o modo Salmon Run estiver disponível, é isso mesmo meus caros, não é sempre que vocês conseguirão jogar essa modalidade, ela possui horários diferentes para se jogar, o que gerou uma grande revolta por parte dos jogadores e com toda razão, já que esse modo é um dos mais divertidos.

Partidas organizadas online e local: No game é possível organizarmos partidas para jogarmos com nossos amigos, no entanto alguns empecilhos acabam prejudicando nossa jogatina, como por exemplo o modo local que só pode ser jogado se todos tiverem um console com uma cópia do jogo, e o fato de termos um sistema de chat de voz bem complicado de se usar, que requer o uso de um aplicativo de celular juntamente com um adaptador específico, isso também gerou uma grande revolta por parte da comunidade de jogadores.Splatoon 2 ainda nos trás outros empecilhos que prejudicam um pouco nossa jogabilidade tais como:

1 - Os modos Tower, Rainmaker e Splat zones só podem ser jogados a partir do nível 10, e só ficam disponíveis apenas um por vez, ou seja as vezes você entra no jogo querendo jogar o modo Tower mas é o Rainmaker que está disponível :p

2 - Como agora todo o jogo se passa em uma única tela o acesso ao mapa se torna algo um pouco complicado, no Wii U bastávamos olhar para o gamepad, no Switch temos de apertar o botão “X” fazendo com que o mapa apareça ocupando toda a tela prejudicando nossa visão da partida.

3 - Os minigames que antes existiam para nos distrair enquanto o servidor procurava por novos jogadores para as partidas deram lugar a possibilidade de remixar a música de fundo que toca na sala de espera, sinceramente os mini games eram beeeeem mais legais.

4 - Uma das maiores reclamações do game anterior não foi atendida nesse jogo também, e é o fato de não conseguirmos trocar a arma durante as partidas, caso queira trocar o jogador(a) terá de abandonar a sala para fazer isso.

5 - Em splatoon 2 a disponibilidade dos mapas ainda funciona como no primeiro jogo, apenas 2 mapas por vez que se revezam de 2 em duas horas.

6 - Não é possível pular as falas de Pearl e Marina, ou seja toda vez que se entra no jogo o jogador(a) é obrigado a esperar até que elas terminem de dar todas as notícias.

Apesar  dos pontos negativos Splatoon 2 consegue agradar em cheio, o jogo é viciante, a jogabilidade flui muito bem, os layouts das arenas são bem diversificados, a quantidade de armas disponíveis é bem grande e com toda certeza você irá querer jogar com todas elas, sem contar que o jogo ainda vem recebendo atualizações constantes, recentemente tivemos o retorno da arena Kelp Dome( Splatoon 1) e nas próximas semanas já foi anunciado que irá chegar a arena inédita Canal Snapper e mais uma nova arma para aumentar o inventário das já disponíveis, enfim Splatoon 2 ainda mantém muitas características do jogo anterior, mas ainda assim trás muitos elementos e novidades, como novas categorias de armas, novos estágios, uma nova história e um novo modo de jogo, e convenhamos que é muito melhor um jogo novo do que apenas uma remasterização do primeiro né? Então se na época do Wii U você não chegou a dar uma oportunidade para o game que tal dar uma nova chance para a continuação dele agora?
Facebook
0
Google
 
Top