Nintendo

Nintendo diz que esta preparada para o caso de uma “aquisição hostil”